O assunto gravidez e exercício físico sempre gera muitas dúvidas nas mamães, especialmente as mães de primeira viagem.

Apesar da maioria achar que nesse período nenhuma atividade está liberada, na verdade, é super recomendado praticar exercícios físicos durante a gestação.

Isso, claro, tomando os devidos cuidados e optando pelos exercícios mais indicados para essa fase.

As atividades físicas são fundamentais para a manutenção da saúde da gestante, e até mesmo do bebê. Além de evitar o ganho excessivo de peso que pode gerar problemas como diabetes gestacional, elas também podem ajudar na hora do parto.

Continue lendo esse post e conheça os benefícios que a relação gravidez e exercícios físicos é capaz de gerar.

Gravidez e exercício físico: benefícios

Praticar exercícios físicos durante a gravidez pode trazer uma série de benefícios para o dia a dia da gestante. Entre os principais estão:

  • Diminuir dores, principalmente na região da lombar e costas;
  • Ajuda a evitar o surgimento de estrias;
  • Menos chances de ganhar peso excessivo;
  • Pode tornar o parto mais tranquilo;
  • Evita a flacidez pélvica após a mãe dar a luz entre outros.

Gravidez e exercício físico: quais os mais indicados?

Quando o assunto é gravidez e exercício físico, existem várias opções de atividade que podem ser feitas durante a gestação.

Contudo, é importante que a gestante fale com o obstetra antes de iniciar qualquer tipo de atividade física.

Somente ele poderá avaliar as condições dela, e assim indicar os melhores exercícios. Mas, em regra, os exercícios mais recomendados para fazer durante a gravidez são:

Os tipos de exercícios indicados

Hidroginástica

Esse é um tipo de exercício físico clássico para gravidas. Isso porque, com eles a mulher não corre riscos com quedas e não precisa se preocupar tanto com o equilíbrio.

E o melhor de tudo é que ele é um dos melhores para estimular o parto natural.

Pilates

O pilates também é um dos exercícios recomendados para gestantes. Com ele, é possível utilizar o próprio peso corporal para trabalhar os grupos musculares.

Além de corrigir a postura, essa modalidade auxilia diretamente na diminuição de dores e desconfortos na lombar e costas, que são comuns durante a gravidez.

O pilates também é um aliado no fortalecimento pélvico, o que ajuda diretamente na sustentação do barrigão e na recuperação depois do parto.

Yoga

Mais uma das opções de atividades físicas para gravidas é a Yoga. O grande diferencial dessa modalidade é que ela trabalha não apenas o bem-estar físico, mas o mental.

Muitos movimentos da yoga ajudam no fortalecimento do abdômen e do assoalho pélvico. Sem contar que trabalham diretamente a respiração.

A yoga também tem foco na flexibilidade. Logo, é uma aliada para quem deseja ter parto natural.

Caminhada

Simples, mas super eficiente, a caminhada é um dos exercícios físicos recomendados para gestantes. Ela não exige tanto esforço físico, mas gera resultados poderosos na saúde da mulher.

Como você determina o ritmo, fica mais fácil encontrar uma velocidade para se sentir confortável. E a caminhada também ajuda no parto natural, uma vez que promove a dilatação com mais facilidade e trabalha diretamente o controle da respiração e da frequência cardíaca.

Ficou com alguma dúvida sobre gravidez e exercício físico? Então aproveite para deixá-la nos comentários.

gravidez molargravidez anembrionada